Muitos dos animes que eu, ou nós fãs de animes no caso, já assistimos possuem uma enorme diversidade entre os personagens, cabelos coloridos em ecchi, personagens reclusos em animes escolares, personagens liberais em animes seinen, e o principal, personagens que merecem o nosso respeito por conta de suas atitudes ao longo da obra. Confira aqui uma lista de personagens que certamente venderiam muitas camisas no Brasil, eu possuo uma no caso.

                                                          Brock (Pokemon)
Muitos dos fãs de Pokemon reclamam até hoje sobre a saída de Brock da série, eu também, por mais que Brock tenha presenciado a vida de Ash por mais de 12 temporadas, não houve momentos em que o personagem tivesse perdido o crédito. Além de ser um dos personagens mais maduros da série, Brock possui habilidades tanto com Pokemons como com humanos, é um excelente criador Pokemon, a prova disso é que ele conseguiu fazer um Pokemon evoluir por felicidade, um tipo de evolução não muito presente na série até o momento. Brock também teve que cuidar de 9 irmãos após ter sido abandonado pelos pais passando a fazer o papel de pai e protetor das crianças, além de ter sido o líder do ginásio de Pewter por muito tempo, provando suas habilidades de luta também. A saída desse personagem da série tirou de Ash e seus companheiros um cara responsável, habilidoso, honesto, dedicado, e principalmente, muito engraçado! Brock me fez dar muitas risadas nos meus tempos de fundamental, muito disso se deve ao fato dele manter uma súbita tara por enfermeiras Joy e Policiais Jane, conseguindo até mesmo diferencia-las, que incrível! E as melhores temporadas de Pokemon (Liga Indigo e Diamond and Pearl) tiveram Brock no enredo, ele serviu como um pai que não deixava os filhos brigarem (Ash e Misty) e como um conselheiro experiente para Ash e Dawn em Diamond and Pearl, agregando ainda mais as qualidades desse personagem, realmente, é uma pena ele ter saído, particularmente esse é mais um dos motivos que me fizeram abandonar o anime da minha infância. Mas pretendo acompanhar de longe o XY, vai que o Brock aparece. Opa, por quê será que ele não gosta de falar sobre a Ivy? a PBN news divulgou a possibilidade do Brock ter engravidado ela, ou que ela venha a ser um travesti no caso, coitado...

                                        Shiryu de Dragão (Saint Seiya)
Shiryu é um dos personagens mais poderosos de animes shonen, e ao mesmo tempo um cara maduro, experiente e homem, isso mesmo, ele foi o único na série que conseguiu pegar alguém, grande Shiryu. Treinado nos cinco picos de rozan pelo mestre ancião, Shiryu voltou ao Japão para lutar na guerra galática visando a armadura de Sagitário, só que alguns incidentes e uma luta muito fervorosa contra Seiya fizeram ele se unir ao grupo de Saori. Shiryu é conhecido no mundo Otaku por ser uma das pessoas mais legais de CDZ, por mais que o anime seja meio que clichê no fato dos personagem apanhar e ganhar do inimigo no fim, Shiryu enfrentou seus inimigos com muita garra e seriedade, chegando a cometer atos suicidas para derrotar o inimigo, como não lembrar da luta contra Algol, uma das melhores lutas de todos os animes não pela plástica, mas pelo desenrolar dos fatos, Shiryu cometeu um ato que certamente Seiya, Hyoga e Shun não fariam (Ikki teria derrotado Algol facilmente), se cegar! uma cena forte onde ele não mede esforços e não pensa duas vezes antes de cravar os dedos nos olhos, conseguindo então derrotar Algol, mas o ato causou consequências deixando ele cego para sempre, certamente, poucas pessoas pensariam em fazer um ato desses, ainda mais visando salvar a vida de alguém, não é a toa que ninguém se salva nos Jogos Mortais. Além da luta contra Algol, Shiryu também protagonizou lutas épicas nas 12 casas, derrotou Mascara da Morte em seu próprio reduto, mandou Shura para as estrelas com o Dragão Final, e foi o melhor personagem da saga Asgard, mesmo que tenha sido filler, essa saga levantou e muito a moral do Shiryu quando ele derrota 2 cavaleiros e ainda descobre o ponto fraco de Siegfried, sem contar as outras sagas. Shiryu também veste a armadura de Libra em algumas situações, mas um fato que me chateou foi a Toei ter acabado com o personagem no Omega, ele perde os 5 sentidos! mas em compensação sua masculinidade foi provada, ele gerou um filho com Shunrei, mas após isso acabou daquele jeito...

                                                    Piccolo (Dragon Ball Z)
Na série Dragon Ball, Piccolo Daimaoh havia deixado um ovo antes de ser derrotado, que mais tarde viria a ser o principal rival de Goku, Piccolo Jr. No começo, Piccolo e Goku tinha uma rivalidade muito forte e até tinham se enfrentado no torneio de artes marciais, só que após a invasão de Raditz, essa rivalidade passou a se transformar em amizade, visto que ambos se juntaram para derrotar o inimigo. Piccolo tem uma personalidade calma e impassível, além de ser o guerreiro mais forte da série depois dos Saiyajins, um dos motivos que fazem o Picollo ser respeitado é o fato dele ter sido um segundo pai para o Gohan, é verdade que o treinamento que Piccolo aplicou foi extremamente rigoroso, colocando a vida de Gohan em risco diversas vezes, mas esse treinamento foi essencial para desenvolver Gohan como guerreiro e como ser humano, já que ele era mimado e tinha tudo nas mãos. Com o passar da série, Piccolo foi perdendo espaço, mas conseguiu ter ótimas atuações na saga Freeza conseguindo deter o vilão, e também na saga Cell, que pra mim foi onde ele teve mais destaque, além de estar literalmente voando, por pouco não venceu o Androide N°17, mas depois disso seu espaço foi designado aos Sayajins, a bobeira foi tanta que no GT ele praticamente não atua, a não ser por 2 participações pífias, e ainda por cima foi obrigado a residir no inferno, (odeio fillers). Piccolo não é o mais forte dos personagens, mas serviu como um pai para Gohan, deteve inimigos fantásticos, e não levou surras de cinta como o Vegeta, eu queria muito ver uma luta entre Vegeta e Piccolo na saga Cell, que pena...

                            Kenshin Himura (Rurouni Kenshin)
Rurouni Kenshin é um anime que consegue unir estilos diversos em um único lugar, é um anime que consegue fazer os telespectadores rirem insanamente, é um anime que apresenta ótimas lutas mesmo sem uma qualidade de animação razoável, é um anime que não tem nem exageros e muito menos clichês, é um anime que consegue destacar fatos históricos da vida japonesa como a introdução da democracia, e é um anime com personagens muito bons. Eu diria mais, diria que é um anime com um protagonista muito bom, Kenshin Himura. Kenshin era um assassino do governo na era Tokugawa, e junto ao estilo Hiten Mitsurugi, e seu apelido de Battousai o retalhador, tirou centenas de vidas e tomava chá de sangue antes de dormir, mas após o fim da era, Kenshin em uma tentativa de compensar por tudo que fez, trocou sua espada por uma com lâmina ao contrário e passou a andar (vagabundar) pelo pais ajudando todos os tipos de pessoas, até acabar no dojo Kamia onde conhece a futura esposa, Kaoru. A partir dai, Kenshin passa a viver com Kaoru junto a outros personagens, e juntos eles enfrentam os vilões que surgem para tentar acabar com a paz do pais, e derrubar o governo Meijin. Um dos motivos que fazem Kenshin ser respeitado é o fato dele ser um personagem extremamente forte, ele não é como um Goku ou um Seiya da vida que apanha que nem condenado e ganha no final com uma Genki-Dama ou um Meteoro da Paixão, ele enfrenta o inimigo para vence-lo, e é o que faz, além de ter o nobre ato de nunca matar seu adversário, Sanosuke e Aoshi só estão vivos graças a isso, e mesmo quando o inimigo é muito poderoso, Kenshin o derrota com seus próprios méritos, não precisa da energia de outras pessoas ou de uma garota atraente para força-lo a vencer, Kenshin Himura é um dos melhores protagonistas dos animes, além de ter sua masculinidade comprovada ao ter um filho com Kaoru, ele já pode se juntar ao Shiryu para tomarem um chopp no muro das lamentações...

                                                               L (Death Note)
Na animação mental de Death Note, L é considerado um inimigo no começo, mas ao longo da série, podemos considera-lo como o protagonista que tenta acabar com os planos do inimigo que no começo era o protagonista, Raito Yagami (Porra de Light!), um anime que nos proporciona uma mudança dessas não é qualquer um. L é um dos personagens mais inteligentes dos animes se não for o mais inteligente, muitos puxam o saco do Raito, mas é bom lembrar que ele tinha nas mãos uma arma sobrenatural extremamente forte e efetiva, e que ainda por cima, matava indiretamente, tornando quase que impossível localizar o autor, mas L conseguiu essa façanha facilmente, e em apenas 2 episódios se não me engano, ele conseguiu desvendar o local onde Raito morava, conseguiu desvendar suas ocupações e ainda por cima, descobriu que L era filho de um dos investigadores que acompanhavam o caso! certamente, levaria um bom tempo para descobrir isso, e ainda por cima, L conseguiu bater de frente com o Death Note, e se não bastasse, pode ser considerado como um dos autores da morte do Kira, já que ele deixou seu discípulo com a faca e o queijo na mão. Muitos preferem o Kira, mas L é melhor, além de defender a verdadeira forma de justiça, ele teve habilidades e competência para fazer estrago nos planos de Kira, além de ser muito tarado também! (Misa - Sr. Tarado?!). Analisando o desenrolar dos fatos, Raito tinha nas mãos um objeto poderoso, um objeto que tinha o poder para fazer tudo, menos justiça! Digo isso pois, se existem leis na constituição do pais, são essas leis que devem ser usadas para aplicar a devida justiça para criminosos, e se as pessoas não estão contentes com a lei, é simples, é só pensar bem antes de ir as urnas desperdiçar o poder da democracia, matar criminosos é permitido, dentro da lei, e nos países que aplicam esse tipo de pena, como os Estados Unidos, as pessoas (ou a maioria) são a favor dessa lei. Assistir animes nesse estilo faz bem as nossas mentes, são animes que desenvolvem nossa crítica e formam nossas opiniões, e o L certamente é melhor que o Kira, até por quê, Kira se deixou levar pelo poder, mesmo com suas capacidades anormais.

Dentre esses personagens, apenas o L figura entre minhas camisas, mas com certeza vou comprar outras assim que eu tiver dinheiro (NUNCA!), se você acha que outro personagem deveria estar aqui, exerça sua liberdade, até mexicanos tarados já estiveram aqui...                                    

15 comentários:

  1. Estou satisfeito pelo L estar aqui. Concordo plenamente quando diz que o L acaba escondido pela sombra de Kira, e que ninguem reconhece o seu talento como deveriam. Bom, devo dizer que o L é um dos meus personagens favoritos de todos os animes que já assisti até hoje. Coincidentemente também tenho uma camisa dessa lenda.

    ResponderExcluir
  2. Somos 2 amigo, a minha é preta foi comprada na Liberdade. Daqui uns anos eu volto lá...

    ResponderExcluir
  3. Kkkk só tente viver pra poder usá-la.
    eu comprei a minha num evento de anime na cidade vizinha à onde eu moro, acho q é a camisa mais foda que eu tenho rsrs

    ResponderExcluir
  4. Vocês falam isso porquê nuca viram minha camisa do GTA V.

    ResponderExcluir
  5. Simão, tenho certeza que não tem um jetpack desenhado nela kk Eu ia comprar uma dessa, mas com o dinheiro da cana só deu pra comprar a do L. Trabalhar de bóia fria ta dificil hoje em dia...

    ResponderExcluir
  6. Camisa,camisa, camisa!
    Ainda chamam as mulheres de consumistas. Vamos parar de discutir rótulos.

    ResponderExcluir
  7. Ei, camisas são legais. E, dependendo da marca, elas te dão status na sociedade.

    ResponderExcluir
  8. Só acho que faltou o Lelouch, mas tá bom.

    ResponderExcluir
  9. Camisas te dão status na sociedade, quando cheguei a escola hoje com uma camisa da Lacoste, (presente da
    minha irmã) meus amigos já perguntaram - Comprou na feirinha do Brás? Povo preconceituoso..... só por quê sou pobre...

    ResponderExcluir
  10. Caramba. Não sabia que vocês era tão merdas, burros, idiotas, e estúpidos. Vestir essas camisas que só servem de adorno não dão mais significância às sua reles existências.

    ResponderExcluir
  11. Também acho, não me importo com questões como a
    marca das roupas, a prova é que a camisa foi um presente, e tenho pena dessas pessoas ignorantes que se acham engrandecidas pelo simples fato da camisa ter um simbolo de um réptil.

    ResponderExcluir
  12. Sim, @Joaquim Matos , concordar é gostoso. Mas, paradoxalmente a isso, sei que você, se sente engrandecido ao usar a camisa do L, a lenda. Não é? Do contrário, você nem a citaria no post.

    ResponderExcluir
  13. Mais uma vez tenho que concordar... é uma honra ter
    o L em minha camisa, meu caro amigo.

    ResponderExcluir
  14. Concordo com a concordancia do Simão na concordancia do Joaquim

    ResponderExcluir