“Se você quer ser um mestre POKÉMON! Ser de todos o melhor, VAMOS LÁ!” esta é a frase mais adequada para o tema de hoje. Você ainda tem dúvidas da complexidade de Pokémon? Quer aprender de uma forma fácil? Iremos tratar deste assunto com bastantes detalhes. Preparem-se para informação! Informação em dobro! O noticias animes está decolando de novo!

Cospe fogo, Charizard!
Quem diria que este joguinho sem grandes ambições seria um dos maiores de todos os tempos né? No início, o sistema de batalha de Pokémon não era tão diversificado quanto hoje. Possuíamos quinze tipos de monstrinhos, cada um com suas fraquezas, resistências e vantagens . Os atributos eram HP, ATK, DEF, Special e Speed. Vale lembrar que os tipos também determinavam se um golpe era físico(baseado em ATK) ou especial(Baseado em Special, ou Special ATK mais pra frente). Esses fatores unidos, formavam o leque de estratégias possíveis na época. 

A segunda geração surgiu com os jogos Gold & Silver, trazendo três grandes novidades: o Atributo especial era dividido em Special ATK e Special Def (um grande avanço), a possibilidade de equipar itens nos monstrinhos e dois novos tipos, Dark e Steel. 


Os itens foram a novidade da geração II
Alguns outros detalhes foram mudados, como a chance de ocorrer um Critical Hit, que antes era determinada pela Speed do pokémon. Os itens na época foram um grande marco, causando grande diferença no rumo das batalhas. Seu pokémon agora poderia escapar de estratégias que antes causariam a derrota. Quem não achou legal equipar uma Berry, receber o golpe Toxic, e como num passe de mágica voltar ao normal? 

Eis que surge a terceira geração, uma das mais importantes para o desenvolvimento do sistema de batalha. Os jogos Ruby & Sapphire não traziam só mais um bando de novos pokémon, novas possibilidades surgiram. O número de berries aumentou, assim como os golpes e itens, mas os grandes destaques foram o surgimento das Abilities e Natures, além do equilíbrio nos atributos dos Pokémon, com a divisão mais balanceada dos EVs. As Abilities são habilidades especiais que são ativadas automaticamente dentro de certas circunstâncias. Seus efeitos em batalhas fizeram o leque de estratégias aumentar consideravelmente. Existiam Abilities que permitiam que seu pokémon aumentasse a própria Speed a cada rodada, outras não deixavam que ele tivesse o ATK reduzido, entre muitas outras. 

As Natures juntamente com os EVs podem ser considerados a batida do martelo que permitiu os treinadores a falarem, ”O MEU Swampert e o MEU Charizard”, pois são recursos que praticamente customizam os seus pokémon. 


Os EVs podem ser invisíveis, mas a Nature e a Ability não são.
A sigla EV é abreviação para Effort Value (Valor de Esforço). Cada pokémon que você derrota no modo história faz com que o seu monstrinho ganhe pontos de EV, que são “invisíveis” dentro do jogo. Esses pontos quando acumulados, transformam-se em bônus para os seus atributos, ou seja, quem tiver conhecimento de como ganhar EVs, poderá escolher quais atributos receberão este bônus. Óbvio que existe um limite de pontos, além de que cada pokémon possui uma base que determina o quanto é o mínimo e o máximo que ele pode ter em cada atributo, mas isso permite que você escolha exatamente como será o seu pokémon dentro das possibilidades disponibilizadas pelo jogo, e dessa forma, o seu adversário poderá ter o mesmo pokémon, mas nem sempre ele será igual. 

Natures tem quase a mesma função. Cada uma delas irá aumentar 10% de um atributo e diminuir outro na mesma proporção. Existem 25 Natures e somente 20 afetam os seus atributos, então, podem ignorar as outras 5. 




Esse sorriso mostra a felicidade de Gengar
ao descobrir que batalharia mais.
A Quarta geração de Pokémon, que veio com os jogos Diamond & Pearl, trouxe uma novidade que diferenciou muito as batalhas. Lembram que antes os golpes eram físicos ou especiais de acordo com o tipo? Não mais. Cada golpe possui sua própria característica, e o tipo não define que golpe é físico ou especial. Certos pokémon, como Gyarados e Gengar começaram a ser amplamente utilizados, pois eles possuíam bons atributos que infelizmente não eram compatíveis com os seus tipos.

Essa diversificação de treinamento com EV e Nature, combinada com as Abilities, itens e golpes é que vai definir a eficiência do seu pokémon. Cada um desses fatores está proporcionando novas possibilidades de estratégia, e infelizmente, isso é algo que afasta alguns jogadores.Imaginem como é trabalhoso “criar” uma estratégia. Além disso, o jogador ainda tem que treinar um monstrinho e depois repetir o mesmo processo pelo menos cinco vezes se ele quiser um time completo.
Clique nesta imagem e seja feliz

Concluímos então que para construir o seu time é preciso pensar em algumas coisas: Definir os golpes, distribuir os EVs, escolher uma Nature, equipar um item que melhore sua estratégia, saber como a ability poderá ajudar durante a luta e ter conhecimento das características de cada tipo de pokémon.
Não é uma tarefa fácil, várias projeções de times requerem cálculos e simulações de possíveis situações complicadas que podem ocorrer durante a luta.

fonte:Nintendo blast
parceria? click aqui

2 comentários:

  1. Amigo, quando utilizar conteúdo do Nintendo Blast, coloque o link para o artigo original.

    Daqui alguns dias eu volto aqui, se permanecer do jeito que está, serei obrigado a denúncia-lo ao Blogger por cópia não autorizada. Valeu!

    ResponderExcluir
  2. desculpe pelo mau ocorrido daqui por diante eu irei colocar o link.
    MINHAS SINCERAS DESCULPAS
    de: cleyton o autor do Blog

    ResponderExcluir